A fraude de Ícaro

icaroO livro “A fraude de Ícaro” incentiva-nos à mudança, procurando ser ousados, fazendo a diferença, sem medo do fracasso, afinal, o novo dá a oportunidade de nos destacarmos.

Autor: Seth Godin
Editora: Gestão Plus

Índice:
Introdução
Parte Zero – Arte, a zona de conforto e a oportunidade de uma vida
Parte Um – A Economia de ligação exige que criemos arte
Parte Dois – Mitos, Propaganda e Kamiwaza
Parte Três – Garra e arte e o trabalho que vale a pena fazer
Parte Quatro – Vergonha, vulnerabilidade e estar nu
Parte Cinco – Para fazer arte, pense como artista. Para se ligar, seja humano.
Apêndice Um – História de catorze artistas verdadeiros
Apêndice Dois – V de vulnerável: o abecedário do artista

Resumo do Livro:

A Era Industrial prende-nos com salários decentes e prémio abundantes. Estes empregos transmitem-nos uma sensação de segurança com base na obediência e na invisibilidade. Consequentemente, temos medo de voar mais alto e arriscamos de menos.

É necessário sair da nossa zona de conforto, procurando uma zona onde é possível desenvolver a arte. A arte implica vencer o medo, a vergonha e enfrentar as coisas que nos assustam. Os artistas são pessoas que fazem arte, isto é, uma atitude motivada e disponível que consequentemente toca as outras pessoas. Podem desenvolver arte, o pintor, o escultor, o músico, o realizador, o designer (etc.) mas o autor, acrescenta também, as profissões ligadas ao apoio ao cliente, liderança, tecnologia, entre outras.

Os artistas aprendem a começar de novo, a ignorar rótulos e avançam com coragem, sem medo do insucesso. A experiência obtém-se pelo acto de fazer arte e ultrapassando os fracassos sucessivos.

Esta nova era difere-se por ser uma Economia de Ligação, em que se gera valor através de pontes entre as pessoas. Para se conseguir esta ligação é necessário captar atenção, a gratidão e a alma através de um esforço emocional. Desta forma, vai conseguir captar informações, expectativas e cultura através da humanização.

A garra com atitude proactiva, tem que ter alguns elementos essenciais como Perseverança, Robustez, Elasticidade, Ambição, Dedicação e Fluidez.

Frases Chave:

“Chegou a sua vez”

“O oposto de coerente é interessante.”

“O facto de estar a ganhar um jogo, não significa que seja um bom jogo.”

“A antiga zona de segurança morreu. Viva a nova zona de segurança.”

“A busca pela resposta certa é inimiga da arte.”

“…as únicas pessoas que ouvimos são aquelas que escolhemos ouvir.”

“Ninguém fala sobre o que é enfadonho, previsível e seguro.”

“Ninguém o vai escolher. Escolha-se a si próprio.”

“Somos consumidores insaciáveis de ligação.”

Ver o que acontece. É uma incerteza, mas vale a pena.”

“Não espere aplausos. Aceite os aplausos, sim, com certeza.”

“A atenção dos outros é a mais irresistível das drogas.”

“Os deuses somos nós. E, sim, os deuses são loucos.”

“Não precisamos de mais coisas; precisamos de mais humanidade.”

“O perigo é usar a régua de outra pessoa para medir a nossa arte.”

“Se nunca se destacar, nunca terá de ser erguer.”

“Invertendo a proposição de Descartes: Você existe. Logo, pense.”

“…sem o sofrimento não existe uma viagem que valha a pena fazer.”

“O objectivo não é vencer. É continuar a jogar.”

________________________________________________________________

Consulte os reviews dos livros anteriormente analisados, **aqui**

Se gostou do artigo, coloque Gosto e Partilhe. Obrigada!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s